AGRICULTURA DE PRECISÃO





A agricultura de precisão aplica o uso da Tecnologia da Informação combinada com Geotecnologias para extrair, processar e analisar dados, levando em consideração a variabilidade do solo e clima de uma determinada área rural.



As soluções estão apoiadas no processamento de imagens georreferenciadas e geotecnologias conhecidas por fotogrametria e sensoriamento remoto com imagens obtidas através de aerolevantamentos com drones, variando o tipo de sensor para esta captação e análise conforme o tipo de cultivo.



SENSORES EMBARCADOS PARA O USO NA AGRICULTURA DE PRECISÃO


Além dos sensores do tipo  RGB (red, green, blue – vermelho, verde e azul) espectro de cores visível ao olho humano, podemos embarcar sensores especiais com conversão NIR (near infrared – infravermelho próximo) e câmeras MULTIESPECTRAIS (multibandas), que permitem várias análises da lavoura através da geração de diferentes Índices de Vegetação (indicadores de refletância das plantas no processo de fotossíntese),  tais como; NDVI, NDREVARI e outros.





Câmeras Multiespectrais








EXEMPLO DA GERAÇÃO DE UM MAPA PARA ANÁLISE ATRAVÉS DO ÍNDICE NDVI


SAUDÁVEIS

Tons de verde são plantas em processo de fotossíntese.


INDICADORES DE ESTRESSES Tons de amarelo indicam algum problema.


PLANTAS MORTAS  Tons de vermelho são áreas com plantas mortas ou sem vegetação.



ANÁLISES


Através das análises obtidas da área geograficamente referenciada, conseguimos implementar uma série de técnicas com o objetivo de se obter o melhor resultado para o produtor.


Um retrato fiel da lavoura, o acompanhamento e monitoração por solo não entregam uma percepção fidedigna da situação, através do aerolevantamento com drones é possível gerar uma visão em detalhes da propriedade, gerar informações que serão indicadores na definição de premissas e medidas a serem adotadas para se alcançar as melhorias nos resultados na safra atual e futuras.


  • Ortofoto com resolução espacial de até 2 cm por pixel no solo com detalhes visíveis na imagem.

  • Medições de áreas, talhões e/ou pivôs.

  • Geração do Modelo Digital de Superfície e Mapa.

  • Geração do Modelo Digital de Terreno e Mapa.

  • Apontamento da adequação com área de PRESERVAÇÃO AMBIENTAL.

  • Apontamento do % de ÁREA PRODUTIVA.

  • Detalhamento do % de FALHAS NA PLANTAÇÃO.

  • Índices de concentração por tamanho de falhas.

  • Índices de concentração por quantidade de falhas.

  • Apontamento na prevenção e controle de pragas.

  • Análise quanto a irrigação do solo.

  •  Apontamento quanto a aplicação de defensivos e insumos.

  • Geração de índices na análise da BIOMASSA e da ÁREA FOLIAR com a Estimativa de Produtividade.

  • Mapa Hipsométrico em cores, tridimensional, representando o relevo da área com indicação das altitudes.

  • Arquivos shapefile e mapas das curvas de nível.

  • Mapa apontando as declividades, Rede e Fluxo de Drenagem.


Através da Restituição de Ortofotos e Modelos Digitais de Elevação conseguimos também obter uma visão tridimensional da área.




  • Vetorização semiautomática de linhas de plantio.

  • Simetria perfeita com o melhor aproveitamento da área.

  • Compatível com a maioria das colhedoras do mercado.

  • Extração automática de falhas.